diariografico.com

capa





À VENDA NA 1ª QUINZENA DE DEZEMBRO


Formato fechado: 17x24 cm
Capa dura
287 páginas impressas a 4 cores
em papel mate de 150 gr


Texto da Contracapa

Desde sempre, viajantes munidos de cadernos desenham e escrevem sobre o que observam e o que reflectem. Houve artistas em que os desenhos das suas viagens foram decisivos para o seu percurso artístico. Dois exemplos: o pintor Delacroix e o arquitecto Le Corbusier.

Do mesmo modo, podemos desenhar no quotidiano como se viajássemos. É uma boa maneira de nos iniciarmos ou continuarmos na actividade do Desenho. Autores contemporâneos de várias profissões/actividades desenham habitualmente em cadernos transportáveis, designados Diários de Viagem, Diários Gráficos ou outras, conforme a área do seu autor.

Há também experiências de professores, de vários níveis de escolaridade, que tentam incutir nos seus alunos o hábito de usarem o Diário Gráfico, a fim de serem mais observadores e desenharem mais e melhor.

ver índice ¬

















INDICE

1.
INTRODUÇÃO

1.1 Os vários termos usados para este tipo de caderno
1.2 As suas diversas finalidades
1.3 O Desenho no Diário de Viagem
1.4 O facto do desenho ser feito em caderno
1.5 O Diário de Viagem e a Fotografia
1.6 O Diário de Viagem na blogosfera
1.7 O Livro de artista, o Livro-objecto e o Diário Gráfico. Diferenças
1.8 A Viagem como momento de observação e registo
Aprender a desenhar. Aprendizagem do desenho para todos
1.9 Seis exemplos de artistas que foram influenciados por viagens e/ou que usaram o Diário de Viagem no seu quotidiano
(por ordem alfabética)

Edward Hopper. Estados Unidos da América. 1882-1967. Pintor
Eugène Delacroix. França. 1798-1863. Pintor
Frida Kahlo. México. 1907-1954. Pintora
Hugo Pratt. Itália. 1927-1995. Autor de BD
Le Corbusier. Suiça 1887-1965. Arquitecto. Escultor. Pintor. Professor
Pablo Picasso. Espanha. 1881-1973. Pintor

2.
35 AUTORES CONTEMPORÂNEOS DE DIÁRIOS DE VIAGEM
(Autores com profissões/actividades diversificadas que se servem do Diário para exercer essa actividade ou para outros fins)
(por ordem alfabética)

Antonia Santolaya. Espanha. 1966. Ilustradora
António Jorge Gonçalves. Portugal. 1964. Autor de BD. Ilustrador
Cruzeiro Seixas. Portugal. 1920. Pintor. Poeta
Eduardo Côrte-Real. Portugal. 1961. Professor. Arquitecto
Eduardo Salavisa. Portugal. 1950. Professor. Pintor. Designer
Enrique Flores. Espanha. 1967. Ilustrador
Fernando Brazão Gonçalves. Portugal. 1973. Artista Plástico. Comerciante
Filipe Leal Faria. Portugal. 1976. Arquitecto
Francisco Vidal. Cabo-Verde. 1978. Pintor
Isabel Gata. Portugal. 1973.
Ivo Moreira. Portugal. 1979. Pintor
João Catarino. Portugal. 1965. Professor. Ilustrador. Designer gráfico
Jorge Trindade. Portugal. 1978. Designer de Equipamento
José Louro. Portugal. 1964. Designer. Professor
José Maria Sánchez. Espanha. 1958. Director de Arte
José Neves. Portugal. 1963. Arquitecto. Professor
Lagoa Henriques. Portugal. 1923. Escultor. Professor
Lucile Dubroca. França. 1966. Arquitecta Paisagista
Manuel João Ramos. Portugal. 1960. Antropólogo. Professor
Manuel San Payo. Portugal. 1958. Pintor. Ilustrador. Professor
Mário Bismarck. Portugal. 1959. Pintor. Professor
Mónica Cid. Portugal. 1973. Artista Plástica. Professora
Pedro Baptista. Portugal. 1948. Fotógrafo. Designer gráfico
Pedro Cabral. Portugal. 1954. Arquitecto
PeF. Pedro Fernandes. Portugal. 1978. Geólogo. Desenhador científico. Ilustrador
Pedro Gaspar. Portugal. 1982. Designer gráfico
Pedro Mamede. Portugal. 1968. Professor. Designer
Pedro Morais. Portugal. 1962. Ilustrador. Autor de BD. Designer gráfico
Pedro Salgado. Portugal. 1960. Biólogo. Desenhador científico
Renato Alarcão. Brasil. 1970. Ilustrador. Artista visual. Arte-educador
Ricardo Henriques. Portugal. 1977. Copywriter
Rita Cortez Pinto. Portugal. 1977. Artista Plástica
Susana Campos. Portugal. 1967. Pintora. Professora.
Susana Oliveira. Portugal. 1967. Professora. Ilustradora
Simonetta Capecchi. Itália. 1964. Arquitecta. Ilustradora. Professora

3.
INICIAÇÃO AO DESENHO PELO USO DO DIÁRIO GRÁFICO

3.1 Avaliação

3.2 Propostas de Trabalho

4.
BIBLIOGRAFIA

© 2006 Eduardo Salavisa